O que considerar para contratar uma agência de Relações Públicas

O que considerar para contratar uma agência de Relações Públicas
1 de abril de 2019 Monisse Buchala
Homem de óculos pensativo

Conheça 4 critérios elaborados pela revista de negócios Entrepreneur

Se você procurar os cursos que envolvem comunicação, vai encontrar três vertentes que se completam: jornalismo, publicidade e relações públicas. Enquanto o foco de um é informar e do outro promover, o terceiro, também chamado de PR (do termo em inglês public relations), é o responsável por construir e preservar a boa imagem das empresas perante à sociedade.

Simplificando, o relações públicas é o que entende qual é a melhor forma da empresa se posicionar. Ele orienta a comunicação interna e externa da instituição diante dos seus valores e objetivos. Por isso, é necessária uma boa avaliação na hora de escolher uma agência para fazer isso.

A revista americana Entrepreneur, que está no mercado há anos e é conhecida por seus artigos sobre empreendedorismo e negócios, criou uma lista de 4 fatores para se considerar nessa hora. Confira abaixo junto com as nossas considerações!

1. Alcance do público-alvo

Quando você define o seu negócio, precisa entender para quem ele é feito. Ou seja, o seu target, seu público-alvo. Ele pode variar em sexo, idade, regiões, interesses e mesmo entre pessoa física ou empresas. Então, se a sua empresa sabe onde quer chegar, a agência precisa saber o caminho.

Considere o histórico do PR no mercado antes de contratá-lo. Existem agências especializadas em diferentes segmentos e que já possuem os contatos certos para planejar sua comunicação, eventos e direcionamento.

2. Cases de sucesso e habilidades

Um bom texto é essencial quando falamos de relações públicas. Porém, a comunicação eficaz de uma empresa envolve um olhar aguçado para todas as áreas que compõe a sua imagem. E isso envolve o visual também, ou seja, fotos e vídeos.

Além disso, para que o trabalho de relações públicas funcione, é preciso que esteja alinhado com toda a publicidade e identidade da marca. Logo, é importante que exista um conhecimento da agência sobre propaganda, marketing digital e brand awareness. Uma dica é você observar o perfil e as estratégias usadas nos cases de sucesso da agência.

3. Recursos tecnológicos

De acordo com a Entreprenuer, algumas tecnologias inovadoras e muito atuais, que são inclusive tendências do marketing, também devem ser utilizadas pelos profissionais de RP. Elas contribuem com o gerenciamento de crises e com os feedbacks em tempo real sobre o posicionamento e engajamento da marca.

Pesquisas realizadas com empresas de PR nos EUA mostraram que mais da metade dos profissionais da área utilizam e concordam que tecnologias como a inteligência artificial auxiliam diretamente seu trabalho.

4. Conexão com influenciadores

O marketing de influência vem crescendo cada vez mais, ainda mais quando falamos de digital. Mesmo que a própria era digital e empresas especializadas em influenciadores tenham facilitado a comunicação e as parcerias com essas pessoas, isso nem sempre é uma garantia de sucesso.

Um estudo da GreatBusinessSchools.org mostrou que 95% dos profissionais ainda acreditam que reuniões presenciais são importantes para relacionamentos comerciais duradouros. E que é dessa forma também que se mantem um bom relacionamento com influenciadores e decisores.

Logo, se a agência de relações públicas possui verdadeiras conexões com pessoas influentes do seu ramo, em que exista um comprometimento garantido por eles, a chance de dar certo é maior.

Afinal, não são poucos os casos atuais de marcas associadas a influenciadores, decisores ou mesmo celebridades que são escolhidos apenas pela fama e não representam a marca, criando o efeito contrário.

Um exemplo brasileiro marcante é o da Friboi, em 2014, com o Roberto Carlos, que se dizia vegetariano há anos e nem chegou a experimentar a carne durante o comercial de TV. O resultado foi uma chuva de comentários negativos e piadas com a tentativa de mostrar que “até um vegetariano escolhia a Friboi”.

Agora que você já sabe o que é importante considerar ao contratar uma agência de PR e como é essencial que ela esteja alinhada à proposta de marketing da sua agência de propaganda, que tal deixar a gente te ajudar? Vamos planejar e alinhar a melhor estratégia de comunicação para a sua marca! Fale conosco.

Monisse Buchala
Publicitária, jornalista e escritora de romances, com pós-graduação em Cinema. Atua com produção de conteúdo, criação de campanhas e gerenciamento de redes sociais e outras plataformas de marketing digital. Nas horas vagas, escapa para os mundos fantásticos das séries e da literatura.