Confira 10 tendências de marketing digital para 2021

Confira 10 tendências de marketing digital para 2021
2 de dezembro de 2020 Nicole Lallée
Analisando tendências para 2021

Você e sua marca estão preparados para 2021? A cada ano, surgem novas tecnologias e novos cenários no mercado, que influenciam as empresas e o consumidor. Sem dúvida alguma, o ano de 2020 foi um ano muito desafiador para todos. E agora as empresas precisam planejar o ano de 2021 em meio a muitas incertezas ainda. Para ajudar você nesse planejamento, separamos abaixo algumas das principais tendências de marketing digital para 2021.

Em primeiro lugar, vamos falar das tendências de marketing divulgadas pela consultoria Deloitte. De acordo com o estudo “2021 Global Marketing Trends: Find your focus” da Deloitte, a pesquisa reuniu percepções que refletem a visão dos consumidores sobre as marcas nos últimos meses. Depois, listamos algumas tendências mais técnicas.

A pesquisa da Deloitte mostra que a expectativa dos consumidores em relação às marcas aumentou durante a pandemia da COVID-19. Além disso, a empresa aponta que quatro entre cinco pessoas poderiam citar uma marca que respondeu positivamente à pandemia. Para um quinto dos pesquisados, esse tipo de atitude aumentou sua confiança na marca.

Com a análise das respostas de consumidores e executivos ao redor mundo, a Deloitte apontou sete tendências para o marketing em 2021.

1.Propósito

Sua empresa tem um propósito claro? De acordo com a pesquisa, as organizações que sabem por que existem e para quem estão direcionadas conseguem caminhar por um cenário de mudanças frequentes e abruptas. Lembre-se de que as pessoas não consomem apenas seu produto ou serviço, mas também seus valores.

2. Agilidade

Por causa das mudanças rápidas e as incertezas de 2020, a gestão ágil do marketing nunca foi tão importante como em 2020. Do mesmo modo, em 2021, isso deve se manter. De acordo com a pesquisa realizada pela Deloitte, dos 2447 consumidores entrevistados, cerca de 60% deles foram capazes de lembrar com facilidade o nome das marcas que conseguiram responder rapidamente ao que na época chamávamos de “novo normal”.

3. Experiência humana

Apesar do avanço da tecnologia e do aumento dos contatos digitais em 2020, para a Deloitte, a experiência humana ainda é muito importante. Em meio a um isolamento social, o desafio de gerar uma conexão da marca com o consumidor de forma mais humanizada foi maior. Além disso, neste ano, todos foram afetados emocionalmente.

Por isso, mais do que nunca, em 2021, as marcas precisam se humanizar e melhorar a qualidade da experiência do usuário. É necessário ter uma visão humana para criar uma conexão com seus públicos. Isso significa projetar experiências que façam com que as pessoas se sintam seguras, mas também conectadas com a marca.

4. Confiança

Para construir confiança, as marcas devem olhar o que as pessoas valorizam e garantir que suas promessas estão em sincronia com sua competência para realizar essa entrega. Quando a entrega não atende as expectativas, a confiança se desfaz. Isto é, a reputação de uma marca é determinada pela conexão entre o que é prometido (ou seja, comunicação e publicidade) e o que é entregue (ou seja, experiências).

5. Participação

O engajamento está se tornando uma via de mão dupla, já que os consumidores estão cada vez mais assumindo o papel de divulgadores das marcas com as quais eles se identificam. Nesse sentido, os profissionais de marketing podem se beneficiar ao elaborar estratégias que buscam a participação do cliente. Essa participação pode incluir feedbacks dos clientes por meio de comentários ou até desenvolvimento de conteúdo para marca com cocriarão.

6. Fusões

A pandemia deu um novo olhar para parcerias entre marcas. Em resumo, as organizações podem ajudar mais e melhor ao seu público, criando experiências inovadoras por meio de parcerias. Segundo a Deloitte, aproximadamente 45% dos executivos concordam que criar parcerias é importante e, em sua maioria, pretendem continuar com esse modelo de negócio mesmo após a crise.

7. Talentos

Como o marketing passa por mudanças rápidas, é importante evoluir na etapa de posicionamento do marketing como um diferencial competitivo. Quando perguntados sobre quais são as áreas mais importantes nos próximos 12 meses, os executivos classificaram marketing e vendas em segundo (61%), depois apenas de digital e tecnologia (68%). Além disso, o diretor executivo de marketing evoluiu de um gestor de marcas para o especialista em pensamento estratégico e impulsionador de receita.

Isso já estava acontecendo, mas a crise da COVID-19 trouxe uma urgência para esse processo de mudança. Além dessa mudança da jornada do profissional de marketing, de acordo com a pesquisa, houve um aumento do uso de inteligência artificial para automatizar os trabalhos nas áreas. Assim, sobra mais tempo para o trabalho criativo.

Além destas tendências apontadas pela Deloitte, outros especialistas também indicam algumas apostas de técnicas e estratégias do marketing digital para 2021. Confira!

8. Inteligência artificial

A análise de dados é essencial em uma estratégia de marketing digital. Dessa maneira, a inteligência artificial se torna uma ferramenta importante e que está sendo cada vez mais usada. Com ela, dados e insights são gerados rapidamente e ajudam as equipes de marketing a atingirem de forma mais assertivas os públicos corretos.

9. SEO

Durante 2020, as atualizações do Google tiveram um impacto significativo na visibilidade orgânica das empresas em alguns setores, como no de saúde. Segundo a Smart Insights, é importante investir em SEO e aproveitar as oportunidades com os dados estruturados que devem ter mais importância. Além disso, é fundamental se atualizar e seguir as diretrizes do E-A-T (Expertise, Authoritativeness and Trustworthiness).

10. Vídeos e webinars

Com os eventos presenciais cancelados neste ano, o conteúdo de vídeo e webinar tornou-se ainda mais importante e, segundo a WordStream, ele não vai desaparecer. Isto é, o vídeo é um meio rápido e eficaz para comunicar sua mensagem e educar seu público, e continuará sendo um bom investimento.

Há outras tendências de marketing digital que você acha que estão faltando nessa lista? Conta pra gente aqui nos comentários!

Nicole Lallée
Jornalista, já trabalhou com jornal impresso, rádio e sites de meios de comunicação. Migrou para o marketing digital e tem grande conhecimento em SEO e Google Analytics. De família argentina, tem fluência em espanhol, o que lhe garante bons trabalhos e a fala ligeirinha.